outubro 2019
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

:: 23/out/2019 . 22:39

SESSÃO ESPECIAL SOBRE “OUTUBRO ROSA”

O coral do Centro de Convivência do Idoso, com as músicas “Maria, Maria”, “Mulher Brasileira” e “Amigos para Sempre”, abriu, ontem (dia 23/10), os trabalhos da sessão especial da Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista, que tratou da campanha do “Outubro Rosa”, mês dedicado a alertar as mulheres para a questão do câncer de mama.

No início, o presidente da Casa, Luciano Gomes, convocou os convidados a comporem a mesa, e logo passou à presidência da sessão para a parlamentar Viviane Sampaio, que conduziu as atividades do dia. O coral de idosos foi bastante aplaudido com as músicas que falam do empoderamento das mulheres e dos amigos para sempre. Foi uma sessão muito comovente e proveitosa, principalmente em termos de conhecimento e conteúdo.

Campanha

A primeira a falar foi a vereadora Lúcia Rocha que lembrou da sua lei recomendando à Prefeitura Municipal a realizar a campanha do “Outubro Rosa” no município, e disse que o poder público tem desenvolvido ações de prevenção contra o câncer de mama nas mulheres, como o convênio com o Hospital Samur na realização de diagnósticos. No entanto, frisou que “precisamos encontrar formas mais evoluídas para combater a doença”.

A vereadora ainda destacou que a luta tem que continuar através de políticas públicas permanentes, porque se trata de uma doença perigosa, mas com alto índice de cura. A mastologista Monaliza Ferraz explicou sobre os métodos de prevenção precoce com os exames de mamografia e ultrassom, a partir dos 40 anos, e aconselhou que as mulheres tenham hábitos saudáveis, não somente na alimentação, como na vida de um modo geral.

De acordo com ela, se a mulher tiver estes cuidados, o índice de cura pode chegar a 95% dos casos detectados. A enfermeira da Secretaria de Saúde, Érica Teixeira, afirmou que, em referência ao câncer nas mulheres, o de mama é o segundo com maior incidência. Também falou sobre as estratégias de prevenção, e que a prefeitura tem realizado diversas ações, como o “Dia D” do “Outubro Rosa” neste final de semana em 40 localidades, inclusive na zona rural.

Maria das Graças Silva deu seu testemunho como vítima do câncer de mama detectado há três, e como vem se cuidado através dos tratamentos de quimioterapia e radioterapia. Também recomendou que a mulher procure se cuidar logo cedo, para ter a sua cura confirmada.

Quem também estiveram presentes à sessão, fazendo parte da mesa, foram a prefeita em exercício, Irma Lemos, e a diretora da “Casa do Amor”, Maria do Carmo, que acolhe diversos pacientes de câncer de outros municípios da região. Elas fizeram um apelo para que as mulheres se previnam, e que cada uma procure conhecer melhor seu próprio corpo.

TROCA DE AUTÓGRAFOS ENTRE JORNALISTA E FOTÓGRAFO EVANDRO TEIXEIRA

A visita inesperada do renomado fotógrafo nacional e internacional, Evandro Teixeira, na tarde do último domingo (dia 20/10), no “Espaço Cultural a Estrada”, aconteceu de forma descontraída pela sua simplicidade, mas terminou sendo memorável pela troca de autógrafos entre o jornalista e escritor Jeremias Macário e o profissional das lentes que já registrou vários acontecimentos da humanidade, não só no Brasil como em outros países.

O fotógrafo que esteve em Vitória da Conquista, participando do XIII Colóquio Nacional e VI Colóquio Internacional sobre “Distopia, Barbárie e Contraofensivas no Mundo Contemporâneo”, realizados pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-Ueb, foi convidado a conhecer o Espaço Cultural pelo artista escultor Edmilson Santana, responsável pela instalação de uma exposição sobre o tema, no Museu Pedagógico Padre Palmeira, inclusive da mostra fotográfica de Evandro Teixeira, relacionada com a ditadura civil-militar de 1964.

Recebido por Macário, sua esposa Vandilza e familiares, a visita rápida de Evandro que, infelizmente, já estava de partida para o Rio de Janeiro, foi uma surpresa agradável e rendeu bons frutos, e o começo de uma forte amizade. Na ocasião, o jornalista autografou seus livros “Uma Conquista Cassada –cerco e fuzil na cidade do frio” e o seu mais novo “Andanças” para o famoso visitante.

Em contrapartida, Evandro deixou sua dedicatória em sua obra “Passeata dos 100 Mil”, da L Textual, que contém célebres fotos de 1968, em plena ditadura, quando o repórter fotográfico trabalhava para o Jornal do Brasil. Foi um momento de muita emoção receber o carismático fotógrafo no nosso Espaço Cultural que, além da ditadura no Brasil, retratou o velório do poeta chileno Pablo Neruda, Prêmio Nobel de Literatura, e realizou coberturas históricas sobre povos excluídos no mundo, como dos curdos, zapatas e palestinos.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia