março 2017
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: 21/mar/2017 . 23:32

SEM MORAL E DIGNIDADE, COMO ACREDITAR?

A reputação do Brasil lá fora é tão baixa diante das práticas de corrupção, atos de violência, barbáries nos presídios medievais, desigualdades sociais profundas, privilégios absurdos nos poderes constituídos e desmandos dos governantes que não tem mais moral e dignidade para separar o joio do trigo quando acontecem fatos escandalosos, como o mais recente da Operação Carne Fraca que detectou irregularidades na produção.

Por mais que se explique, se dê entrevistas, faça força tarefa de fiscalização com visitas programadas, auditorias, reuniões e reuniões, comunicados propagandísticos na mídia e jure de pé firme que a coisa não é assim, não existe mais clima de confiança, e tanto aqui como lá no exterior a pulga sempre vai ficar atrás da orelha. Como o Brasil nunca foi encarado como um país sério na política e, passou a ser da vergonha, fica difícil convencer, por mais que se faça explicações.

De um ponto a outro, mas com o mesmo foco comportamental, fora os delatores da Operação Lava Jato, ainda não apareceu um político, ministro, empresário ou executivo qualquer que viesse a público e confessasse que recebeu propina de doações eleitorais e pedisse perdão pelo erro cometido. Nunca apareceu um que tivesse a hombridade de dizer que roubou e renunciasse ao seu mandato ou entregasse o cargo.

As únicas falas por detrás das máscaras que se ouve deles é de que é inocente, que nunca participou do esquema, que mal conhece o comparsa, que não tem nada a declarar, que tudo não passa de intriga política, que o delator está mentindo, que a acusação é seletiva, que tudo vai ser esclarecido na investigação e que todas as doações foram legais e devidamente registradas no Tribunal Superior Eleitoral, a máquina de lavagem de dinheiro sujo, como todos já bem sabem. Todos negam, como o adúltero que tenta provar que não era ele quem estava ali com a amante ou o amante. Ainda inventa que não cometeu nenhum delito.

Como acreditar e confiar numa nação que rouba merenda escolar, que vende leite misturado com água e outros ingredientes prejudiciais à saúde humana, falsifica medicamentos, maquia carnes e alimentos diversos, vende frango por peru, usa agrotóxicos e substâncias proibidos de forma exagerada nas lavouras, viola os direitos humanos diariamente, não cuida de suas crianças como devia, ainda pratica a escravidão, pretende tirar conquistas trabalhistas e sociais, nunca priorizou a educação, amontoa pacientes em corredores de hospitais, anistiou torturadores da ditadura militar e agora quer também conceder perdão para os larápios do caixa 2, 3, 4 e 5?

De tantas malandragens, enganações e ladroagens, de tantas aberrações e excrescências nas três castas dos poderes lá no Planalto, como o foro privilegiado, as mordomias dos legislativos, as aposentadorias compulsórias de juízes em desvios de conduta, as verbas indenizatórias e outras pilantragens, não dá mais para se confiar nas explicações. É um país que há muito tempo perdeu a moral e a dignidade e não consegue convencer em seus argumentos.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia